C6 Bank é proibido pela justiça de conceder emprestimos consignados

Em recente decisão a instituição bancária C6 Bank foi proibida de realizar empréstimos consignados no Brasil. Com o crescimento dos casos de fraude a justiça entendeu temerária a facilidade apresentada pelo banco na contratação do serviço.

As contratações fraudulentas se iniciavam com o envio de mensagens pela instituição para os consumidores solicitando uma fotografia tipo “selfie” para que o contrato fosse assinado. Para a Justiça, uma selfie não pode ser confundida com assinatura “por meio eletrônico com uso de senha personalíssima”.

A maioria das concessões eram realizadas sem a autorização expressa do consumidor e tinha como principal vítima os mais idosos, em sua maioria não correntistas. A proibição perdurará até que a instituição apresente um plano de ação antifraude.

O banco, segundo a decisão, deverá parar de oferecer empréstimo consignado aos cidadãos sob pena de multa diária no valor de R$ 100 mil, inicialmente limitada a R$36,5 milhões.

⚠️ Fique atento, não realize contratações de empréstimos sem as necessárias medidas de segurança, evite as contratações por meio de whatsapp, ou telefone. Certifique-se de que existe um contrato claro e que apresente os valores contratados bem como as contraprestações. Não envie fotos ou copias de documentos para contatos desconhecidos ou acesse links suspeitos.

Na dúvida consulte um advogado de sua confiança.

About Author

Juliana Joaquim

Advogada, Rio de Janeiro
Bacharel em Direito pela Universidade Cândido Mendes.
Pós Graduação em MBA em Gestão Ambiental pela UVA.
Mestre pela Unirio em Direito e Políticas Públicas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *